Você já parou pra pensar qual seria a aparência de alguns dos personagens mais famosos da literatura mundial?  O tumblr The Composites, do novaiorquino Brian Joseph Davis, nos dá uma ideia: baseado nas informações contidas no livro e usando um software da polícia para reconstrução de retratos falados, Davis constrói  o rosto de alguns dos personagens mais marcantes da literatura. Veja o exemplo a seguir:

“Eu era e ainda sou, não obstante mes malheurs, um varão excepcionalmente interessante; lento de movimentos, alto, de suave cabelo escuro e um ar sombrio, mas por isso mesmo ainda mais sedutor. A virilidade excepcional reflecte, muitas vezes, nas feições visíveis do indivíduo, um não-sei-quê de sorumbático e congestionado, que se relaciona com o que ele tem de ocultar. Era esse o meu caso.” (Humbert Humbert, personagem de Lolita, de Vladimir Nabokov)

E então, correspondeu à forma como você o imaginava? De minha parte, devo dizer que não. Infelizmente, como já foi dito aqui no blog, os retratos falados nem sempre correspondem à realidade.

Mas acho que vale a visita!

Sobre o autor: Roberto Denser

Escritor, colunista da Carta Potiguar e acadêmico do curso de Direito.