Estou certo de que esqueci aquele escritor que daria o Tweet mais engraçado e terei que completar a lista mais tarde. Também tenho certeza de que você tem aquela colaboração matadora que poderá deixar nos comentários. Mas, por enquanto, a lista é essa que segue mais abaixo.

Ela é um tanto exigente pois pede que o leitor domine a então surgente gramática do Twitter e, ao mesmo tempo, tenha algum conhecimento (não muito) de autores de livros de literatura e de outras áreas.

Por isso, se você não entender o motivo de alguma das, dê um desconto à qualidade de meu humor. Humor que, definitivamente, não é excelente, embora goste de por vezes brincar.

Talvez você e eu não conheçamos bem o Twitter, por um lado, ou suficientemente os escritores, por outro, mas creio que eles diriam mais ou menos isso:

  1. Shakespeare: Existem uns scripts podres no reino do Twitter. #mimimi #tragédia
  2. Homero: Canta, oh, musa, a fúria de Aquiles. Mas seja breve, por favor. #epic
  3. Joyce: Ulysses (via @homero) http://migre.me/I7D
  4. Kafka: O Twitter me faz sentir como um inseto repugnante #nojinho
  5. Dostoiévski: Se o Twitter existe, então tudo é possível #existencial
  6. Mário Quintana: Eles passarão. Você, passarinho
  7. Jorge Luis Borges: O Twitter é um jardim de caminhos que se bifurcam.
  8. Melville: Chama-me de Ismael_Moby123
  9. Carlos Drummond de Andrade: Tinha um tweet no meio do caminho. No meio do caminho tinha um tweet.
  10. Mário de Andrade: Ai, que preguiça do Twitter.
  11. Machado de Assis: @verme Ao primeiro que roeu minhas tripas dedico este tweet.
  12. Nietzsche: O Twitter está morto. #cansei
  13. Décio Pignatari: Beba Twitter. Babe Twitter. #cloaca
  14. Antoine de Saint-Exupery: Você é responsável por aquele a quem retribuiu o follow. #mimimi
  15. Paulo Coelho: O Twitter conspira a seu favor. #autoajuda
  16. Vinicius de Moraes: Que seja infinito enquanto sucinto.
  17. Clarice Lispector: Não se preocupe em entender. Twittar ultrapassa qualquer entendimento.
  18. Nabokov: follow lolita
  19. Orwell: O @grandeirmao começou a me seguir #distopia #paranóia
  20. Virginia Woolf: @MrsDalloway compre vc as flores.
  21. Daniel Defoe: RT @crusoe Vou chamá-lo de @sextafeira ou @sexta_feira. Não sei ainda.
  22. Fernando Pessoa: #followfriday @albertocaeiro @alvarodecampos @ricardoreis @bernardosoares
  23. Chuck Palahniuk: A primeira regra do Clube do Twitter é: ninguém fala sobre o Clube do Twitter.
  24. Sófocles: @edipo Pior cego é o filho que não quer ver. #destino
  25. Freud: follow sofocles follow edipo
  26. Jung: unfollow Freud
  27. Alexandre Dumas: Um twitter por todos e todos twitters por um
  28. Pablo Neruda: Confesso que twittei.
  29. Stevenson: RT @DrJekill o @mrhyde acaba de chegar. tenho que ir #partiu #bjmeliga
  30. Tolkien: Um tweet para todos governar…

Gostou? Então, agora, leia o post com as colaborações dos leitores.

Publicado originalmente em 27 de abril de 2009.

Sobre o autor: Alessandro Martins

Sou o editor deste blog. Trabalhei como jornalista em Curitiba de 1995 a 2008, quando fui demitido e passei a me dedicar a escrever apenas na internet, em blogs e mídias sociais. Agora estou publicando minha newsletter que tem milhares de leitores: assine!