A paixão desse cara, Bradley Garrett, é ser um transgressor serial. Ele faz turismo visitando lugares onde, basicamente, é proibido estar, seja porque esses lugares estão fechados à visitação ou mesmo porque não são seguros para tal.

Garret é fotógrafo e pesquisador nas áreas de antropologia e arqueologia. Ele gosta de visitar as partes escondidas das cidades e, durante cinco anos, registrou essas aventuras. E, assim, lançou o livro Exploring Everthing, onde mostra imagens de 300 lugares de oito países.

Ele se considera um hacker espacial. Assim como os hackers costumam modificar e se fazer presentes em espaços virtuais onde eventualmente não deveriam estar, ele faz o mesmo no espaço real.

Se quiser mais detalhes sobre os lugares das imagens abaixo, confira o post original no The Atlantic.

60QOlKP

85WchkT

e03Knwt

KcoPBNP

mPTUxev

vkeVqe8

ZQeAgUM

0TufjJb

4kum2tJ

7rlpylV

amvElql

ArbIjdy

YSTsDK1

BzrkpWC

DlUDXZe

gBsKFy6

KkaqBhO

Lu2QZ7A

r9Jn3dh

vE6cEWV

1O2rELf

 

Sobre o autor: Alessandro Martins

Sou o editor deste blog. Trabalhei como jornalista em Curitiba de 1995 a 2008, quando fui demitido e passei a me dedicar a escrever apenas na internet, em blogs e mídias sociais. Agora estou publicando minha newsletter que tem milhares de leitores: assine!